• André Ramm

Campeonato Colonial Chave B - Classificação e estatísticas

Neste domingo, 15 de maio, a equipe do Cruzeiro realizará a última rodada da 1ª fase do Campeonato Colonial Chave B/Copa Distribuidora de Bebidas do Alemão na quadra da Comunidade Independente da Solidez.


Acompanhe os horários dos confrontos e confira os dados estatísticos da competição.


15ª Rodada - Cruzeiro (Quadra da Comunidade Independente da Solidez) - 15/05/2022


Na parte da manhã categoria entre famílias e veterano:


1º Jogo (10:00h): Schroder x Vahl - Categoria Entre Famílias / Grupo B

2º Jogo (10:50h): Estrela x Havaí - Categoria Veterano


Na parte da tarde categoria principal:


1º Jogo (12:30h): Entre Amigos x Havaí

2º Jogo (13:20h): Esporte Grenal x Estrela

3º Jogo (14:10h): Cerealista Bahr x Tijuana

4º Jogo (15:00h): Canguçu Velho x São João

5º Jogo (15:50h): Três Pontes x Barcelona

6º Jogo (16:40h): Avenida da Costa x Rosário

7º Jogo (17:30h): Santa Cruz x Renovação

8º Jogo (18:20h): Barcelona x Estrela


Traga sua cadeira de praia e assista partidas eletrizantes!


Terá uma copa bem sortida, com bebidas e lanches variados!


A equipe que mais consumir na copa ganhará um fardo de cerveja!


Após os jogos será realizado o encerramento da rodada com o comando do DJ Argentino!


Atletas suspensos:

Leonardo Bohm (São João/Principal) - 3º Cartão amarelo = 1 jogo

Igor Darlan Schellin (Barcelona/Principal) - 3º Cartão amarelo = 1 jogo

Leonardo Amaral (Tijuana) - Cartão vermelho = 1 jogo

Geferson Mulling (Tijuana) - Cartão vermelho = 1 jogo

Yuri Tael Ledebuhr (Tijuana/Principal) - 3º Cartão amarelo + vermelho = 2 jogos (cumpriu 1)

Luciano Schellin "Lulinha" (Havaí/Principal) - 3º C. amarelo + vermelho = 2 jogos (cumpriu 1)

Guilherme Klumb Volz (Cerealista Bahr/Principal) - Relatório da 4ª Copa Estrela de Futsal

Joelson Buchweitz (Barcelona/Principal) - Relatório da 1ª Copa Bayern de Futsal

Ederson Buchweitz "Almeida" (Barcelona/Principal) - Relatório da 1ª Copa Bayern de Futsal


Atletas pendurados com 2 cartões amarelos:

Alex Iorran Ledebuhr Scherdien e Magno Centeno Duarte "Zizinho" - Estrela


* As demais equipes não tem atletas pendurados porque jogam só uma partida ainda na 1ª fase. E conforme o regulamento os amarelos zeram para a 2ª fase.


Estatísticas da Categoria Principal:


* O atleta deverá assinar a súmula 7 jogos na 1ª fase para disputar as fases seguintes.


Disciplina:

Rosário - 10 cartões amarelos

Canguçu Velho - 15 cartões amarelos


Defesa menos vazada:

Rosário - 11 gols sofridos

Três Pontes - 16 gols sofridos

Estrela - 18 gols sofridos


Melhor ataque:

Rosário - 42 gols marcados

Estrela - 39 gols marcados

Três Pontes - 35 gols marcados


Goleadores:

Luciano Schellin "Lulinha" (Havaí) - 15 gols

Léo Fonseca (Rosário), Luciano Peter (Renovação) e Patrício Grutzmann (Estrela) - 10 gols

Darlen Schmalfuss (São João), Vilson Alex Mesquita "Sedex" (Avenida da Costa), Cristian Voss e Maicon Hartwig (Canguçu Velho) - 9 gols

Rogério Retzlaff (Cruzeiro) e Vagner Ferreira (Renovação) - 8 gols

Ariel Ledebuhr Retzlaff (Estrela), Diego Ludtke (Três Pontes), Elias Radatz Pribe (Cruzeiro), Lucas Mulling (Cerealista Bahr), Thiago Rutz (Entre Amigos), Tiales Timm (Havaí), Jardel Soares "Deco" e Márcio Voss Rusch (Rosário) - 7 gols

Gilson Vahl "Kivik" (Santa Cruz), Marcelo Voss Rusch (Rosário), Maicon Voigt Kerstner (Entre Amigos) e Murilo Schwartz (Esporte Grenal) - 6 gols

Ederson Vahl (Cruzeiro), Luca Lemke (Avenida da Costa), Marciano Taubenhein (Renovação), Maurício Klug Bierhals (Santa Cruz), Alex Westfall e Édico Stiffter (Três Pontes) - 5 gols

Clésio Sell (Três Pontes), Jonas Domingues (Entre Amigos), Jonatas Neitzke "Pistola" (Avenida da Costa), Magno Centeno Duarte "Zizinho" (Estrela), Rafael Schulz (Santa Cruz), Tiago B. Duarte "Tuchinha" (Rosário), Everton Volz e Guilherme Weege (São João) - 4 gols


Classificação após torneio início, complementar e mais 14 rodadas ( o 1º colocado realizará os jogos de ida das quartas de finais / os 8 primeiros avançarão às quartas de finais):


1º Rosário - 39 pontos / 11 vitórias / 11 gols sofridos

2º Três Pontes - 31 pontos / 8 vitórias / 16 gols sofridos (confronto direto)

3º Estrela - 31 pontos / 9 vitórias / 18 gols sofridos

4º Havaí - 28 pontos / 8 vitórias / 24 gols sofridos (confronto direto)

5º Cruzeiro - 28 pontos / 8 vitórias / 19 gols sofridos

6º Renovação - 25 pontos / 7 vitórias / 25 gols sofridos

7º São João - 23 pontos / 7 vitórias / 27 gols sofridos

8º Entre Amigos - 20 pontos / 5 vitórias / 29 gols sofridos

9º Avenida da Costa - 19 pontos / 4 vitórias / 28 gols sofridos

10º Cerealista Bahr - 17 pontos / 5 vitórias / 22 gols sofridos

11º Canguçu Velho - 14 pontos / 4 vitórias / 31 gols sofridos

12º Tijuana - 12 pontos / 2 vitórias / 22 gols sofridos

13º Esporte Grenal - 10 pontos / 2 vitórias / 36 gols sofridos

14º Santa Cruz - 6 pontos / 0 vitória / 39 gols sofridos

15º Barcelona - 3 pontos / 0 vitória/ 46 gols sofridos


Critérios de desempate: 1º) Confronto direto (somente entre duas equipes / torneio início e complementar não contam); 2º) Maior nº de vitórias (torneio início e complementar não contam); 3º Menor nº de gols sofridos; 4º) Maior saldo de gols; 5º) Disciplina.


Estatísticas da Categoria Entre Famílias:


* O atleta deverá assinar a súmula 3 jogos na 1ª fase para disputar as fases seguintes.


Defesa menos vazada:

Ledebuhr - 4 gols sofridos

Schmalfuss e Voss - 6 gols sofridos

Vahl - 8 gols sofridos


Goleadores:

Gilson Vahl "Kivik" (Família Vahl) e Maicon Hartwig (Família Hartwig) - 6 gols

Márcio Voss Rusch (Família Voss), Murilo Schwartz (Família Schwartz) e Vander Bierhals Schellin (Família Schellin) - 5 gols

Darlen Schmalfuss (Família Schmalfuss) - 4 gols

Denilson Ledebuhr Schellin (Família Ledebuhr), Fernando Siefert (Família Siefert), Maurício Klug Bierhals (Família Bierhals), Rafael Hartwig (Família Hartwig), Dionatan de Souza Vahl e Leandrinho Vahl (Família Vahl), Gabriel Bierhals e Luís Bierhals (Família Bierhals), Maicon Schwartz e Marcelo Schwartz (Família Schwartz) - 3 gols

Danrlei Vahl Reichow (Família Vahl), Elton Schwartz Behling (Família Schwartz), Gabriel Schellin (Família Schellin), Lairton Voss Rusch (Família Voss), Macsoel Schroder Penning (Família Schroder), Alex Iorran Ledebuhr Scherdien e Samuel Ledebuhr Retzlaff (Família Ledebuhr), Lauro Schmalfuss Mulling e Mauri Schmalfuss Siefert (Família Schmalfuss), Elissandro Bierhals, Darlan Bierhals Reichow e Dênis Bierhals (Família Bierhals) - 2 gols


Classificação (avançam os 4 primeiros de cada chave):


Chave A (classificação final da 1ª fase):

1º Família Ledebuhr - 12 pontos / 3 vitórias / 4 gols sofridos

2º Família Schmalfuss - 9 pontos / 2 vitórias / 6 gols sofridos

3º Família Voss - 8 pontos / 2 vitórias / 6 gols sofridos

4º Família Schellin - 4 pontos / 1 vitória / 12 gols sofridos

5º Família Siefert - 0 ponto / 0 vitória / 20 gols sofridos (eliminada)


Chave B (Schwartz e Schroder disputam a última vaga):

1º Família Vahl - 8 pontos / 2 vitórias / 8 gols sofridos

2º Família Bierhals - 7 pontos / 1 vitória / 10 gols sofridos

3º Família Hartwig - 6 pontos / 2 vitórias / 10 gols sofridos

4º Família Schwartz - 6 pontos / 1 vitória / 12 gols sofridos

5º Família Schroder - 3 pontos / 1 vitória / 9 gols sofridos


Critérios de desempate: 1º) Confronto direto (somente entre duas equipes); 2º) Maior nº de vitórias (torneio início não conta); 3º Menor nº de gols sofridos; 4º) Maior saldo de gols; 5º) Disciplina.


Estatísticas da Categoria Veterano - 35 anos (atletas nascidos até 1986):


* O atleta deverá assinar a súmula 3 jogos na 1ª fase para disputar as fases seguintes.


Defesa menos vazada:

Estrela - 6 gols sofridos

Havaí - 11 gols sofridos


Goleadores:

Ederson Retzlaff "Nenê" (Três Pontes) - 6 gols

Ariel Retzlaff (Estrela), Gabriel Bierhals (Três Pontes) e Gildão Venske (Entre Amigos) - 5 gols

Alessandro Santos e Cleder Domingues (Rosário) - 4 gols

Jones Venzke (Rosário), Márcio Eicholz (Três Pontes), Elton Schellin e Éverton Biasuz "Jatobá" (Havaí), Fábio Raatz e Samuel Retzlaff (Estrela) - 3 gols

Richeli Canez Cardoso (Rosário), Aldécio Ledebuhr e Luís Bierhals (Três Pontes), Edson Hornke e Elissandro Bierhals (Estrela), Jonas Domingues e Leandro Retzlaff (Havaí), Eldomar Venske "Mano", Fernando Siefert, Nilson Ledebuhr e Rodrigo Schellin (Entre Amigos) - 2 g.


Classificação (avançam os 4 primeiros):

1º Três Pontes - 10 pontos / 2 vitórias / 13 gols sofridos / saldo +5

2º Entre Amigos - 10 pontos / 2 vitórias / 13 gols sofridos / saldo +2

3º Havaí - 9 pontos / 2 vitórias / 11 gols sofridos (confronto direto)

4º Rosário - 9 pontos / 3 vitórias / 14 gols sofridos

5º Estrela - 7 pontos / 2 vitórias / 6 gols sofridos

6º São João do Canguçu Velho - 0 ponto / 29 gols sofridos (eliminado)


Critérios de desempate: 1º) Confronto direto (somente entre duas equipes / torneio início não conta); 2º) Maior nº de vitórias (torneio início não conta); 3º Menor nº de gols sofridos; 4º) Maior saldo de gols; 5º) Disciplina.


Renovação (foto), precisa vencer o Santa Cruz para tentar terminar a 1ª fase entre no G 4


356 visualizações0 comentário